terça-feira, 27 de maio de 2008

Etiqueta na internet é etiquenet?


Olá, meu nome é Carlos e sou professor de filosofia na Dinorá.

A ética é um dos temas que discutimos em nossas aulas, podemos dizer que a etiqueta é uma mini-ética. Não falar de boca cheia, usar as palavras mágicas como por favor, obrigado, com licença, fazem parte da etiqueta de nosso dia-a dia. E na internet? Existem algumas regrinhas básicas de etiqueta que devemos observar para não sermos considerados no mínimo mal-educados. Vamos pensar sobre elas?

• No ambiente virtual sério não existe anonimato, devemos nos identificar e evitar apelidos. Em outros ambientes mais informais devemos usar apelidos..

• Tanto nos ambientes formais como nos informais não podemos confundir nossa vida privada, nossa intimidade com nossa vida pública. Por segurança não devemos expor a nossa vida, detalhes de nossa família, endereços, telefones. Existem pessoas mal-intencionadas e com tempo para “caçar” inocentes na net. Intimidade é para amigos não para conhecidos..

• No mundo virtual existem locais para todos os tipos de interesse e devemos respeitar a sua finalidade, não fica estranho num site religioso ficar utilizando palavrões e num site punk ficar fazendo pregações religiosas?.

• Um blog, como esse, não é lugar de bate-papo informal como de um botequim, não é o local adequado para fofocas, falar mal dos outros. Podemos estar “queimando nosso seu filme” e de nossa escola..

• Se provocados, não devemos responder. A pessoa que “zuar” ou “apavorar” quer a nossa atenção, ela vai “morrer de catapora” se for ignorada e pode se adequar ao ambiente visitado..

• O que nos falamos o vento pode levar, o que escrevemos fica registrado. Antes de escrever um bilhete, um torpedo, um post, devemos sempre pensar se seremos bem interpretados. A linguagem escrita exige um pouco mais de reflexão..


Você se lembra de mais alguma “etiquenet”? Comente e acrescente!.


Fui!.

Carlos.

7 comentários:

Rosa disse...

Olá...

Encontrei os Dez Mandamentos da Ética na Internet, vale a pena refletir:

• Não use o computador para prejudicar as pessoas.
• Não interfira no trabalho de outras pessoas.
• Não altere arquivos alheios.
• Não use o computador para roubar.
• Não use o computador para obter falsos testemunhos.
• Não use nem copie softwares pelos quais você não pagou.
• Não use os recursos de computadores alheios sem pedir permissão.
• Não se aproprie de idéias que não são suas.
• Pense nas conseqüências sociais causadas pelo que você escreve.
• Use o computador de modo que demonstre consideração e respeito.

Emiliane disse...

olá

Esse tema é muito bom para aquelas pessoinhas queadoram dizer besteiras na net
OBS: Da para refletir bastante não é?

bjus emiliane

♥jéssica tamires♥ disse...

esses dez fundamentos sao essenciais p/ a ética na internet...
muito legal

pedido de desculpas disse...

fugindo um pouco do tema vim aki por um objetivo um pouco diferente mas que tem um pouco a ver com isso...
Venho por meio deste comentário, pedir os meus mais sinceros votos de desculpa ao nosso querido e parceiro Leandro... Gostaria de esclarecer que em momento algum meu objetivo foi de denegrir sua imagem mediante a este belíssimo trabalho que vem sendo idealizado ao longo deste período, o meu único objetivo foi de descontrair de modo "singelo” utilizando sua imagem na visita à escola, me desculpe se de algum modo feri o seu caráter ou sua moralidade, realmente peço desculpas, pois pelo seu modo de agir, por seu senso de humor tão legal, achei que uma brincadeira para descontrair iria cair bem, desculpe pela minha ingenuidade ao fazer aquele comentário... Falou um grande abraço e até mais!

Paulo luan 3ºA

Anna disse...

Desculpe-me também, afinal, acabei excedendo-me de tão eufórica por não ter participado deste evento de caráter tão inédito (por que inédito? Porque dizem que os jovens não se preocupam com o meio ambiente, só com seu próprio umbigo. No fim das contas, é inédito vezes dois: pessoas preocupadas com o futuro do planeta e pessoas se unindo por um bem comum!).

Aqui vai um trecho de Alice no País das Maravilhas, uma conversa de Humpty Dumpty e Alice:
(...)
– Quando eu uso uma palavra, – Humpty Dumpty disse com certo desprezo – ela significa o que eu quiser que ela signifique... Nem mais nem menos.

– A questão é – disse Alice – se você pode fazer as palavras significarem tantas coisas diferentes.

– A questão é – disse Humpty Dumpty – quem será o chefe... E eis tudo.

Alice ficou pasmada demais para dizer qualquer coisa; assim depois de um minuto Humpty Dumpty começou de novo:

– São geniosas algumas delas... Principalmente verbos, são os mais orgulhosos... Com os adjetivos você pode fazer de tudo, mas não com os verbos... No entanto eu posso lidar com todos eles! Impenetrabilidade! É o que eu digo!

– Pode me dizer, por favor – disse Alice – o que isso significa?

– Agora você fala como uma criança razoável – disse Humpty Dumpty, parecendo mais contente. – Eu quis dizer com “impenetrabilidade” que já falamos demais desse assunto e que seria bom que você mencionasse o que pretende fazer em seguida, pois suponho que não pretenda ficar parada aqui pelo resto de sua vida.

– É muita coisa para uma palavra significar – Alice disse pensativa.

– Quando faço uma palavra trabalhar tanto, – disse Humpty Dumpty – sempre lhe pago hora extra.

– Oh! – disse Alice. Estava perplexa demais para fazer qualquer comentário.

(...)


Não sei se ficou claro o que quero dizer, mas por via das dúvidas, melhor "esclarecer", não? Bem, ás vezes, as coisas podem não ser bem interpretadas pela maneira como são apresentadas. Ás vezes, uma simples brincadeira singela pode acabar tomando um sentido pejorativo. Realmente, esta não foi a inteção, sabe. A idéia foi a mais inocente possível, mas acabou sendo um pouco mal interpretada, e deu nessa confusão toda! Como diz o senhor Humpty, as palavras são geniosas.

mariana1°B disse...

Hum achei interessante esse tema pois nos faz pensar q internet nao é só zuar, tem muitas coisas interessantes...
É o q eu acho...
bom até mais...
mariana 1°B

Anônimo disse...

Assim como o professor Carlos disse temos que ter etiquenet em todos os sites que entrarmos assim como no blog da escola.

O assunto que foi comentado hoje foi bem elaborado, meus parabens.

Daiane 2ºa
Camila 2ºb