terça-feira, 11 de novembro de 2008

É tempo de plantar...


Com a terra fofa e molhada pela chuva do dia anterior, é hora de plantar.
Organizamos os grupos e dividimos as tarefas. É um momento muito rico em experiências, pois de nada adianta discutir as idéias ambientais se a vivência não se realiza.


Por enquanto, plantamos pimentas, ervas medicinais e flores comestíveis. É isso mesmo, flores comestíveis! Muitas são comestíveis, porém poucas são conhecidas e usadas em nossa alimentação. A couve-flor, o brócolis e a alcachofra são as mais utilizadas. As flores atraem insetos e pássaros, que ajudam a aumentar diversidade em nossa horta.


Muitas plantas, quando consorciadas, se ajudam, melhorando a produção. A interação entre elas é um assunto complexo, portanto, vamos observar a mãe natureza e aprender com ela.


"O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher." Cora Coralina

7 comentários:

'anna ;) disse...

Fala aí, povo! :D
Beleza, creuza?
x)
Então, né! Faz um tempããão que eu nem comento mais aqui... :/ E parece que vocês também, não, né!? :B
Mas acho q é por causa do fim de ano que tá chegando, um monte de prova, de trabalho, de tarefa, jogos de playstation p zerar... Enfim! Todas as nossas obrigações juvenis que vem a tona, né não?
Mas então! :)
Tô vendo que já começaram a plantar as paradinhas na horta! *-* Que por acaso, ficou lindona! x)
Poxa, cara! Por que vcs não plantam umas coisas mais exóticas, digamos assim, como por exemplo a Beladona, a Mandrágora, a curiosíssima Nepenthes rajah, vulgo planta carnívora (dizem que ela devora até gatos e cachorros *o*), o Tamarindo, lá do programa do Chaves.. Tem também a Raflésia, aquela plantinha do capeta que cresce até 1m de diâmetro e pesa até 10kg... Caaaara! Tem a Dracunculus vulgaris, velhoo! A planta é bonita, mas fede que nem... vcs sabem! ;D
E os COGUMELOS? GEEEENTE! NÃO PODE ESQUECER DOS COGUMELOOOOOS! \o\ Caaaara, tem cogumelo de tudo qto é tipo *o* É mto louco... Tem q ter cogumelo! :D
Mas não vão confundir, hein! Tô falando dos cogumelos COMESTÍVEIS (não que os outros também não sejam, mas pelo menos estes não tem efeitos colaterais um pouco...desagradáveis).
Então é isso, gente!
Força na peruca e vambora com essa horta aí! :) Tô pensando até em virar vegetariana depois dessa!
o//

André disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
André 3º A disse...

isso ai
gostei da iniciativa das professoras rosa e macia candot
pois nossa escola naum tinha nada lah no
fundo apenas mato
Ah, primeiro começmaos com a cisterna e depois nosso jornal e agora nossa horta fazendo assim os alunos colaborar mais e assim mostrando o q pode fazer

Agroecologia no CEPARL disse...

Maravilha!!!!
Parabéns fiquei maravilado com essa mandala de vocês. Será sem dúvida muito próspera. Fico feliz também por ver a participação de alguns alunos no projeto.
Por aqui teremos o encontro metropolitano de agroecologia do RJ e comentarei sobre o projeto mão na terra por lá como parte de nossa rede.
E para os alunos mais envolvidos não esqueçam de dar uma passadinha na mandala nas férias.
Abraço em todos.

bianca disse...

Parabéns professoras pela iniciativa de promover o projeto Mão na Terra na escola,parabenizo-as também pela construção da horta;Ela está linda!
Vocês promoveram a cisterna,e depois o jornal e agora nossa horta fazendo assim com que os alunos colaborem mais;Todos esses projetos foram executados com maior perfeição,sendo assim,elogiados por várias pessoas.
PARABÉNS A TODOS QUE PARTICIPARAM E ATÉ HOJE PARTICIPAM DESSE E DE OUTROS PROJETOS DA NOSSA ESCOLA "DINORÁ"...

Maria Teresa Carvalho disse...

Um colírio para os olhos !!!

Esta horta mandala fica mais linda a cada dia. Parabêns as pofessoras Rosa e Márcia não só por idealizarem, mas principalmente por desenvolverem este projeto tão maravilhoso, que como vemos cresce a cada dia, e o mais importante com a colaboração dos alunos.
Gostaria muito de conhecer esta maravilha de perto.

Claudemir Mazucheli disse...

Estou retribuindo a visita!!
Adorei seu Blog! Parabens!
Vou divulgá-lo e reproduzir suas as práticas.