sábado, 20 de junho de 2009

Inverno

O Inverno iniciará às 02h45 do dia 21 de junho de 2009 . Nesta estação, que compreende os meses de junho, julho e agosto, as temperaturas são climatologicamente amenas. Localidades como Campos do Jordão, Itapeva, São Antônio do Pinhal e muitas outras cidades, situadas em lugares altos no Estado de São Paulo, registram valores negativos de temperatura. Outro aspecto meteorológico que se observa durante o inverno, são as constantes inversões térmicas que causam nevoeiros e neblinas. Estas inversões, muitas vezes, permanecem durante o período da manhã. O nevoeiro consiste na existência de gotículas d’água que flutuam no ar e reduzem a visibilidade a menos de 1000 m. Além da redução da visibilidade, um outro fator importante é o alto índice da umidade relativa do ar, cujos valores alcançam até 98% no período da manhã. O contrário ocorre no período da tarde, após a dissipação do neveoiro, quando o índice da umidade relativa do ar diminui consideravelmente, chegando a registrar valores de até 40%. O ar seco e o vento calmo favorecem a formação da bruma - substâncias sólidas suspensas na atmosfera, tais como poeira e fumaça - poluindo o ar.
Fonte: INPE

6 comentários:

Daniela Lima disse...

Muito bom Geografa!!!! semana que vem irei fazer a composteira na minha escola...

Agroecologia no CEPARL disse...

Olá Rosa eu acho excelente, pois é uma forma de unirmos forças para essa forma de educação que estamos desenvolvendo ainda que sem muita conexão. Mas o nosso desafio é esse mesmo construir uma rede para trocas de idéias e apoio mútuo. Vamos formar essa rede, o primeiro passo foi dado e achei ótima a sua sugestão.

Abraços

Gustavo

Rogério Lafayette disse...

Show Mestra!!!
Na EMJB a internet é bem lenta e por causa disso os alunos quase não navegam na rede. Mas isso vai mudar, mesmo que continue lenta. Como se cria e funciona uma rede colaborativa tipo wiki?

Profª. Rosa disse...

A maior barreira ainda é a falta de acesso ( poucos equipamentos e conexão lenta), mas vamos dar o primeiro passo, não é?
É uma experiência bacana para nossos alunos, eles adoram o mundo virtual (orkut) só que agora com objetivos diferentes, se apropriar dos recursos tecnológicos para divulgar geografia, e legal é que eles vão precisar superar alguns desafios para expressar suas ideias, estabelecendo a conexão desse processo com seu cotidiano, compreendendo como a tecnologia muda nossa relação com o mundo.
Bom, é um espaço novo, diferente da sala de aula, mas que pode proporcionar uma nova forma de pensar e aprender, provocando mudanças, inovando práticas na busca da aprendizagem significativa.
Ja estou separando as sementes, vocês já plantaram cabaça(lagenaria vulgaris) na escola?

paulo luan disse...

q este belissímo projeto continue assim... firme e forte! e q as novas gerações cuidem e preservem o que a gente iniciou....
um grande abraço fiquem todos com deus!

Paulo Luan 3ºA (2008)

Rogério Lafayette disse...

Não plantamos não, e é uma espécie bem interessante. Legal!