terça-feira, 12 de maio de 2009

Manejo sustentável - Adubação Verde

Adubos verdes são plantas utilizadas para melhoria das condições físicas, químicas e biológicas do solo. Há espécies como leguminosas que se associam a bactérias fixadoras de nitrogênio do ar, transferindo-o para as plantas. Estas espécies, também estimulam a população microrganismos que aumentam a absorção de água e nutrientes pelas raízes, contribuindo para um solo mais fértil e saudável.
Não só as leguminosas são utilizadas como adubo verde. É importante a escolha das espécies adequadas para cada tipo de clima, solo e sistema de manejo das plantas cultivadas. O Embrapa Agrobiologia disponibiliza informações que podem auxiliar nesse processo de escolha, através do Banco de Dados de Leguminosas.
Os resultados dessa prática agrícola têm demonstrado que a adubação verde, quando utilizada de forma correta, recupera solos degradados por meio de uma grande produção de raízes, protege os solos das chuvas intensas, minimiza a erosão, aumenta a capacidade de retenção da água e de fixação de determinados nutrientes no solo.

6 comentários:

Mateus disse...

Poxa que legal esse trabalho com o adubo verde!! As sementes das leguminosas como a mucuna são lindas, e é possivel fazer com elas trabalhos artísticos, caso elas produzam bem.
Você já pensou em trabalhar com bio-construção também? Tipo construção com bambu, telhado verde, tijolos de adobe, etc..tem coisas bem legais que podem ser feitas! Fica a sugestão e parabéns pelo seu trabalho, é fantástico e traz muito orgulho para todos os professores de Geografia o seu engajamento coma qualidade do ensino.

Profª. Rosa disse...

Oi Mateus! A idéia é misturar vários tipos de plantas como se fosse uma floresta. Cada tipo de planta em um sistema de raízes diferente, o conjunto de raízes explora cada cm cúbico do solo e subsolo fazendo uma extratificação do solo. Cada planta tem uma capacidade diferente de extrair os minerais. Bom, esse coquete faz milagres na superfície também, pois a grande diversidade de plantas atraí diversos insetos formando um equilíbrio para o controle das pragas. Plantamos milho, mucuna preta, feijão guandu, girassol, abobora, nabo. Agora é só esperar... Obrigada pela visita.

Analuci disse...

Admiro o trabalho de vocês. Parabéns!!

Thiago disse...

Oi! Estou seguindo esse blog fantástico e espero que vocês me sigam tbm! Parabéns!!!

http://www.malmg.blogspot.com/

kkakkau disse...

oLA, TENHO UM RANCHO A BEIRA DO RIO PARANA, COMO FAÇO PARA MELHORAR OS NUTRIENTES DO SOLO.....TUDO O QUE EU PLANTO...NASCE DEPOIS AMARELA E MORRE...COQUEIROS, PLANTAS NATIVAS..HORTA..FLORES...OBRIGADO!!!

Alan disse...

Que legal mesmo esse documentário sobre "adubação verde".
Queria saber se você pode me ajudar em uma escolha.
Qual tipo de leguminosa que posso associar ao meu pomar de tangerina ponkan.
Sendo uma que não necessita de grande quantidade de água para a sua sobrevivência. Lembrando que meu pomar localiza-se próximo a cidade de Nerópolis-Go, e que possuímos uma época de estiagem relativamente "longa".
Muito obrigado